Começa hoje (13) o Tríduo Pascal: veja dicas para vive-lo ‘vicentinamente’

0

Os três dias que antecedem o Domingo da Ressurreição são conhecidos como Tríduo Pascal. Compreende a Quinta-feira Santa, Sexta-feira Santa e Vigília Pascal (Sábado de Aleluia). É um período de penitências, orações e reflexões.

O tempo também é propício a recordar que foi nessa fase que Jesus viveu em situação de extrema pobreza, passando frio e fome, situações às quais sãos submetidas muitas pessoas hoje que se encontram em situação de vulnerabilidade social, afirma em artigo o padre Alexandre Nahass Franco (Congregação da Missão-CM), assessor Espiritual do Conselho Nacional do Brasil (CNB).

A reflexão é publicada na íntegra a seguir.

 

Tríduo Pascal: Um ENCONTRO com Cristo nos Pobres!

Na Semana Santa, sobretudo no Tríduo Pascal, celebramos a entrega de Jesus que não se mede: seu amor é sem medidas, é um amor extravagante, pois despoja a sua própria vida.

A paixão não foi um imprevisto no caminho de Jesus. Desde a encarnação, toda sua vida foi entrega e despojamento de si.

Jesus nasceu em extrema pobreza, e depois de tanto serviço e doação (o que celebramos nesta Quinta-feira Santa); ele acaba sentindo fome, sede, calor, frio, injúrias e humilhações; e morre na cruz (Sexta-feira Santa); e finalmente ressuscita para a vida (Sábado Santo), dando um profundo sentido para a nossa vida também!

Dentro desta espiritualidade que emerge da Semana Santa, convido a cada vicentino a fazer a experiência celebrativa do “Encontro com Cristo nos Pobres”.

O que dizer destes nossos encontros? Comunicam paz? Infundem esperança? Geram alegria? Sabemos encontrar os outros em suas necessidades e sofrimentos? E o que temos a oferecer aos Pobres que encontramos? Uma presença inspiradora? Uma palavra que conforta? Um gesto que encoraja?

A fidelidade de Jesus foi revigorada na compaixão experimentada por algumas pessoas que Ele encontrou durante Seu Calvário.

Como nos ensina o Papa Francisco, a “revolução da ternura” não se faz sem a “cultura do encontro”.

Nunca deixemos de nos encontrar com os Pobres!

Que esta “Santa Semana” inspire o coração de cada vicentino, mantendo os olhos fixos em Jesus!

Padre Alexandre Nahass Franco (Congregação da Missão-CM)

Assessor Espiritual do CNB

 

Fonte: Redação do SSVPBRASIL

Comente pelo Facebook

Deixe uma resposta