Projeto Social de 2011 dá resultados até hoje

0
Atividade de lazer no Lar Vicentino

Se na cronologia o tempo é dividido em ‘antes de Cristo (a.C)’ e ‘depois de Cristo (d.c)’, no Lar São Vicente de Paulo de Pompéu a divisão é assim: antes dos Projetos Sociais e depois dos Projetos Sociais. O senhor João Alexandre da Silva Neto (66) mora no local há 10 anos e conhece bem a diferença. Sem as melhorias que os Projetos Sociais proporcionaram, ele e os demais 59 internos passavam o dia na ociosidade. Atualmente, a rotina é bem mais divertida e útil. “Nós não tínhamos nada pra fazer. Ficávamos só no quarto, era muito ruim. Agora, a gente brinca, dança; todo dia tem alguma coisa pra fazer e isso nos deixa mais felizes”, conta.

Todas as melhorias só foram possíveis porque o Lar se inscreveu na edição 2011 dos Projetos Sociais do Conselho Nacional do Brasil da Sociedade de São Vicente de Paulo (CNB/SSVP) e foi contemplado com recursos, que possibilitaram a criação de um espaço de lazer aos internos, um jardim e uma oficina de artesanatos.

Os Projetos Sociais foram criados como forma de incentivar a promoção dos assistidos (Mudança de Estruturas). Por meio da Contribuição da Solidariedade (coleta feita nacionalmente entre os vicentinos), o CNB destina parte dos recursos para financiar iniciativas que visam a retirada dos Pobres da situação de miséria, seja física, espiritual ou afetiva, como é o caso do Lar Vicentino. Embora os moradores tivessem comida e um lugar confortável para morar, eles sofriam porque não tinham o que fazer durante todo o dia.

MUDANÇA DE ESTRUTURAS

O projeto ‘Mudança de Estruturas’ vem sendo trabalhado por toda Família Vicentina mundial. A proposta é de que ele seja como a passagem em que Jesus ensina que dar o peixe a quem tem fome é muito importante, no entanto, é preciso que as pessoas ‘aprendam a pescar’ e conquistem a autonomia financeira e não dependam mais de assistencialismo para garantir comida à mesa.

Anualmente, as melhores iniciativas de Mudança de Estruturas são financiadas pelo Conselho Nacional do Brasil. Basta inscrever. Este ano, o prazo já foi encerrado.

Investimento é de cerca de R$8 mil

Sala de computação
Sala de computação

O projeto “Amigos do Idoso”, financiado pelo CNB, custou R$8.709,45. O dinheiro foi usado na compra de materiais para a oficina de artesanato e o jardim, jogos interativos, mesas, bancos, televisão, DVD, aparelho de som, computador e um armário. “O Projeto Amigos do Idoso proporcionou uma maior interação social entre os internos, estimulando a participação dos mesmos em atividades de lazer e entretenimento, retirando estas pessoas da condição de ociosidade que até então viviam”, comemora a coordenadora do Lar, Hermínia Ferreira Machado.

Cinco anos após o abrigo receber os recursos, as melhorias ainda podem ser observadas nos dias de hoje, garante Hermínia. Ao CNB, mentor da iniciativa, ela faz um agradecimento especial. “O Asilo São Vicente de Paulo de Paulo só tem a agradecer imensamente ao CNB pela oportunidade de proporcionar aos nossos internos atividades que só vieram a impactar positivamente a qualidade de vida dos mesmos, retirando-os de uma condição de ociosidade para uma vivência mais dinâmica, interativa, trazendo de volta muitos sorrisos até então apagados”.

A ideia de inscrever a proposta nos Projetos Sociais foi da psicóloga Elizabeth e da fisioterapeuta Márcia.

 “As flores alegram a minha vida”, garante moradora do Lar

 O jardim criado com recursos dos Projetos Sociais não serviu apenas para embelezar o lar; ele virou uma opção de entretenimento aos idosos. A D. Geralda Auxiliadora Dutra (67), por exemplo, passa boa parte do dia cuidando das plantas. “O jardim lembra a época quando eu era criança e ajudava minha mãe. É muito bom pra minha vida porque eu gosto de cuidar das plantas. As flores alegram a minha vida”, conclui.

Fonte: Redação do SSVPBRASIL

 

Comente pelo Facebook

Deixe uma resposta